Este site utiliza Javascript. Se você está vendo esta mensagem, é provável que a opção JavaScript no seu navegador esteja desativada. Para uma melhor visualização deste site, certifique-se de que o Javascript está habilitado para o seu browser.
Você está em: Início  >  Comunicação  >  Notícias  >  Notícias
Notícias
DECISÃO
22/04/2019 19:16

Ministro autoriza prorrogação do prazo de internação de João de Deus em hospital de Goiânia

O ministro Nefi Cordeiro, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), prorrogou por mais dez dias o prazo de internação do médium João de Deus no Instituto de Neurologia de Goiânia. Acusado de abuso sexual, ele está em tratamento no hospital desde março, quando o ministro autorizou a internação em virtude de seu frágil estado de saúde.

A decisão de internação foi confirmada em abril pela Sexta Turma, ao rejeitar um agravo do Ministério Público Federal (MPF) que questionava os laudos médicos apresentados pela defesa do médium. O colegiado levou em consideração os direitos fundamentais à saúde e à vida.

No pedido de prorrogação do prazo de internação, a defesa alegou que a demora na hospitalização de João de Deus piorou significativamente o seu quadro clínico. De acordo com boletim médico juntado aos autos, o médium está em tratamento de pneumonia, e não há previsão de alta.

Ao conceder a prorrogação da internação, Nefi Cordeiro determinou que os médicos informem sobre a previsão de alta hospitalar e o estado de saúde de João de Deus.

 

Esta notícia refere-se ao(s) processo(s): HC 489573
Atendimento à imprensa: (61) 3319-8598 | imprensa@stj.jus.br
Informações processuais: (61) 3319-8410