Este site utiliza Javascript. Se você está vendo esta mensagem, é provável que a opção JavaScript no seu navegador esteja desativada. Para uma melhor visualização deste site, certifique-se de que o Javascript está habilitado para o seu browser.
Você está em: Início  >  Comunicação  >  Notícias  >  Notícias
Notícias
INSTITUCIONAL
18/01/2016 18:25

Tribunal empossa 96 novos servidores

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) ganhou 96 novos servidores. A cerimônia de posse foi conduzida pela ministra Laurita Vaz, vice-presidente do STJ. A solenidade, que também marcou o início do processo de ambientação dos novos servidores, ocorreu nesta segunda-feira (18), nas dependências do Auditório Externo. 

Para a ministra Laurita Vaz, os novos servidores integram e representam o Poder Judiciário. “É necessário um extremo zelo pelas suas funções e pelo patrimônio público. Além disso, é preciso adotar uma nova postura com probidade, cautela, e moralidade dentro e fora das dependências do tribunal”, destacou a ministra, ao saudar os novos servidores, aprovados no concurso realizado em setembro do ano passado.

Das vagas destinadas a analistas judiciários, 13 servidores foram para a área administrativa; quatro para a área de segurança; três para a área de análise de sistemas de informação; uma para arquitetura, arquivologia, engenharia elétrica, engenharia civil e serviço social; duas para comunicação social, fisioterapia, medicina – pediatria e pedagogia; cinco para contadoria e suporte em tecnologia da informação.

Para técnico judiciário, foram empossados 43 servidores para a área administrativa; três para a área de apoio especializado – saúde bucal e sete para a área de apoio especializado – tecnologia da informação.

Participaram da solenidade o diretor-geral do STJ, Miguel Augusto Fonseca, a secretária de Gestão de Pessoas, Solange Rossi, e a coordenadora de Desenvolvimento de Pessoas, Waldelice Poncioni.

Entusiasmo

Os recém-empossados mostraram-se entusiasmados e orgulhosos com a recepção. Francisco Assul de Souza Júnior, analista judiciário, foi empossado pela ministra Laurita Vaz, representando os colegas recém-empossados. “De todos os tribunais superiores, o STJ era o que eu mais ouvia elogios. Estou chegando e pretendo ficar por pelo menos 30 anos”, revelou.

“Minha expectativa é trabalhar de forma que eu possa ajudar a melhorar o ambiente, junto com as pessoas”, afirmou Fernanda Nunes Ribeiro.

Apresentação de valores, plano estratégico, cadeia de valor e responsabilidade socioambiental são alguns dos temas tratados durante a ação de ambientação, que vai até quinta (21) e ocorre das 13h às 18h, no Auditório Externo.

Para Joel de Castro Mota, a ambientação é fundamental para conhecer as funcionalidades do tribunal. “Espero fazer um bom trabalho, colocar em prática o que estudei e retribuir à sociedade”, comentou o novo servidor.

O curso

Lançado em 2002, o Subprograma Ambientação de Novos Servidores tem o objetivo de inserir os colegas recém-admitidos no tribunal, proporcionando uma visão ampla da instituição, e fortalecendo o entendimento da missão, da visão e dos objetivos estratégicos, bem como da prática dos valores organizacionais. Além disso, informa aos novos servidores as principais políticas e normas do STJ.
Atendimento à imprensa: (61) 3319-8598 | imprensa@stj.jus.br
Informações processuais: (61) 3319-8410