Aguarde ...
Presidente do STJ recebe delegação chinesa para debater uso da inteligência artificial no Judiciário
24/10/2019 20:15
24/10/2019 20:15
24/10/2019 21:10

...

​​O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro João Otávio de Noronha, recebeu nesta quinta-feira (24) a visita do ministro Xianding Pei, da Corte Suprema do Povo da China, e do diretor-geral do Centro de Tecnologia da Informação daquele tribunal, Jianfeng Xu.

O encontro teve por objetivo debater o uso da inteligência artificial no Poder Judiciário e faz parte da política do STJ de estabelecer diálogos com cortes de diferentes partes do mundo visando o aprimoramento da prestação jurisdicional.

​​​​​Ministros João Otávio de Noronha e Xianding Pei trocam lembranças durante o encontro. | Foto: Lucas Pricken / STJ

"A troca de informações com delegações estrangeiras a respeito do uso das tecnologias e da inteligência artificial permite que o STJ aperfeiçoe suas técnicas de julgamento, de publicação e de divulgação das decisões, alinhando avanços tecnológicos e melhora na prestação jurisdicional. É sempre interessante conhecer as experiências de modernização institucional de outros países para que possamos pensar em soluções inovadoras para o Judiciário brasileiro", afirmou Noronha.

A delegação chinesa também contou com a participação de Yingfei Wang, oficiala do Centro de Tecnologia da Informação da Corte Suprema do Povo da China, e de Xiaofei Zheng, oficiala do Departamento de Cooperação Internacional do tribunal, além de duas diplomatas da embaixada da China em Brasília.

Semin​ário

No início da noite, Noronha participou da abertura do Seminário das Altas Cortes do Brics, na sede do Supremo Tribunal Federal (STF). O tema do evento é "Tecnologia da Informação e Inteligência Artificial: boas práticas, oportunidades e desafios para o Judiciário".

Além do presidente do STF, ministro Dias Toffoli, estiveram presentes os presidentes e vice-presidentes das cortes supremas da China, da Rússia e da África do Sul. Brics é a designação de um grupo de economias emergentes que reúne Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

Nesta sexta-feira (25), o auditório do Tribunal Superior Eleitoral sediará o encontro. Na conferência inaugural, o ministro Dias Toffoli vai apresentar as ferramentas tecnológicas utilizadas pelo STF para dar transparência e celeridade aos julgamentos e que têm atraído a atenção de outros países.

Na sequência, serão realizados três painéis sobre o uso da tecnologia da informação no Judiciário da Rússia e os desafios do desenvolvimento de infraestrutura de tecnologia nos Judiciários da China e da África do Sul.

Confira a programação.